Google apresenta o Android 8.0 Oreo

 

A Google aproveitou o eclipse total do Sol neste 21 de Agosto (parcial em Portugal) para anunciar a mais recente versão do seu sistema operativo Android, que chega assim à sua oitava versão e recebe o code name Oreo, nome muito aguardado pelos entusiastas da plataforma e que vai assim pela segunda vez para uma marca mundialmente conhecida depois da versão 4.4 KitKat em 2013.

 

O novo Android vem trazer algumas novidades e melhorias esperadas à plataforma e irá ser disponibilizado numa primeira fase aos equipamentos Pixel, Pixel XL, Pixel C, Nexus 5X, Nexus 6P e ainda ao Nexus Player, onde irá optimizar o tempo de arranque (boot) tornando-o até 2x mais rápido e com um melhor controlo das aplicações a correr em background, que em conjunto com outras optimizações garantirá um aumento na autonomia.

 

Outra das novidades aguardadas é o preenchimento automático de credenciais nas aplicações, facilitando assim a sua utilização e tornando-a mais rápida sem ter de preencher os campos manualmente ou utilizando aplicações de terceiros, a função picture-in-picture passa a estar disponível também no Android 8.0 permitindo a utilização de 2 aplicações em simultâneo, mais prática que a função de dividir o ecrã em duas partes disponível no Android Nougat.

 

As notificações foram também alvo de melhorias e os icons das apps passam a dispor de Notification Dots, que com um toque mostram directamente a notificação permitindo abrir ou limpar sem ter de aceder à lista de notificações na barra de topo, para os entusiastas de emojis o Android Oreo traz também o Unicode 10.0 que inclui mais 60 emojis a juntar à lista já considerável disponível na versão anterior.

 

Até ao final do ano e em equipamentos mais recentes (< 2 anos) de marcas como a HTC, Huawei, LG, Motorola, Samsung e Sony serão actualizados para o Android 8.0 Oreo.

 

Android – 8.0 Oreo ]

Facebook anuncia a construção do seu 10º centro de dados nos EUA

 

O Facebook anunciou a construção de mais um centro de dados próprio, o décimo no seu portefólio e que ficará localizado na cidade de New Albany no estado do Ohio na costa este dos E.U.A.

 

Com um número de utilizadores activos no Facebook a ultrapassar os 2 mil milhões aos quais se juntam cerca de 1,2 mil milhões activos em cada uma das plataformas de messaging, o Facebook Messenger e o WhatsApp e ainda aproximadamente 600 milhões no Instagram não é de admirar a necessidade do Facebook investir nestas infra-estruturas, fundamentais para o processamento e armazenamento de um enorme volume de dados.

 

Mas manter em operação centros de dados 24 horas por dia requer muita energia para os equipamentos informáticos e de climatização, ainda assim o Facebook e tal como já faz com os centros actualmente em operação vai apostar apenas em energia renovável e seguir as normas do Open Compute Project, tendo em vista a uma óptima utilização de recursos para uma máxima eficiência.

 

A abertura do datacenter em New Albany está prevista para 2019, altura em que se juntará aos centros em Altoona, Clonee (na Irlanda), Forest City, Fort Worth, Los Lunas, Luleå (na Suécia), Odense (na Dinamarca), Papillion e Prineville, sendo que novos datacenters poderão ser anunciados até lá...

 

Hello, New Albany! ]

Honor 9 apresentado na Europa

 

A sub-marca da Huawei apresentou hoje em Berlim na Alemanha o seu novo topo de gama, o Honor 9, depois da primeira apresentação há duas semanas para o mercado chinês chegou agora a vez de apostar no mercado europeu, e o novo Honor vem com argumentos de peso e com um preço abaixo dos topos de gama das maiores marcas como a Samsung, a LG e até da própria Huawei.

 

O Honor 9 vem equipado com o SoC HiSilicon Kirin 960 (o mesmo chip que equipa os Huawei Mate 9 e P10) com um CPU octa-core, 4x ARM A73 @ 2.36 GHz e outros 4x ARM A53 @ 1.84 GHz e GPU ARM Mali-G71MP8 @ 1037 MHz, a RAM conta com 4GB e a ROM com 64GB com possibilidade de expandir com um cartão MicroSD até 256GB utilizando o slot híbrido SIM / MicroSD.

 

Exteriormente o novo Honor conta com um ecrã FullHD de 5.15" (~13 cm), uma câmara principal dupla, uma monocromática com 20MP e outra RGB de 12MP e a câmara frontal com 8MP, o leitor de impressões digital passa para o botão frontral ao invés de ser colocado na traseira como na geração anterior do Honor 8, em interfaces conta ainda com ligação USB 2.0 Type-C e aúdio de 3.5mm, a bateria conta com 3200 mAh de capacidade.

 

O Honor 9 vem com o Android 7.0 "Nougat" com a interface EMUI 5.1, para já estará disponível em duas cores: cinzento e azul e custará €459,90, para os primeiros clientes está também incluida a Smart Band 3 para monitorizar alguns dados como os batimentos cardíacos ou o perfil do sono.

 

Honor 9 ]